Aditivo limpeza para Filtro Particulas DPF Cleaner

A 2max desenvolveu, para oficinas, um aditivo de limpeza de filtros de partículas DPF Cleaner, que permite a desobstrução do filtro. O problema dos trajetos curtos é que o filtro de partículas não atinge a temperatura necessária para a regeneração automática. Isso significa que a combustão da fuligem não ocorre como previsto, pelo que esta se deposita relativamente depressa no filtro. As consequências são, entre outras, perda de potência, aumento do consumo de combustível e até mesmo a imobilização do veículo.

A aplicação do aditivo de limpeza de filtros de partículas DPF Cleaner é muito simples. Basta desmontar a sonda Lambda ou o sensor de temperatura no sistema de escape para aceder ao filtro de partículas. O líquido de limpeza, que liberta a fuligem, é pulverizado através de uma sonda. A obstrução do filtro é depois eliminada. Por último, é ativada a regeneração automática do filtro para provocar a combustão dos resíduos de fuligem libertados.

Este processo demora cerca de meia hora. O filtro permanece montado no veículo. Para o condutor, o aditivo de limpeza de filtros de partículas DPF Cleaner constitui uma alternativa económica à substituição do filtro e uma boa solução para prolongar a sua vida útil. Por sua vez, as oficinas têm a possibilidade de prestar um serviço adicional rentável.

A pensar neste tipo de situações, a 2max desenvolveu também um aditivo de proteção de filtros de partículasDPF Aid. A sua finalidade é evitar a obstrução precoce do filtro em trajetos curtos. Para isso, basta colocar o aditivo no depósito de combustível. Este baixa a temperatura necessária para a regeneração automática do filtro em mais de 100 °C, para que esta possa ser ativada mesmo em trajetos curtos. Dessa forma, o filtro manter-se-á mais limpo. O aditivo de proteção de filtros de partículas DPF Aid está disponível tanto para oficinas como para particulares.

Deixar uma Resposta